Gastronomia

A gastronomia é uma das profissões que mais ganharam status e espaço no Brasil nos últimos cinco anos, considerado como uma das profissões da atualidade, devido a sua expansão na mídia, valorizando e formando uma cultura dos alimentos, sua apresentação e degustação. O setor gastronômico é responsável por 8% dos empregos diretos no país e se mantém aquecida pela diversificação cultural, com um potencial enorme para a inserção no mercado em restaurantes comerciais e hotéis, com desenvolvimento de produtos sofisticados, alimentos mais saudáveis e atraentes, tornando a culinária uma verdadeira obra de arte, proporcionando uma melhor qualidade de vidas às pessoas. O profissional pode atuar também na gestão e segurança de alimentos verificando o cumprimento das normas higiênico-sanitária em toda a cadeia produtiva. O mercado gastronômico a cada dia necessita de pessoas qualificadas e que possuam conhecimento e senso crítico na área para explorar esse nicho com segurança e aptidão, aumentando a procura pelo graduado.

Contato

Coordenadora: Profª Renata Sampaio Mafra de Santana
Telefone: 73 3222-2330
E-mail: gastronomia.fmt@gmail.com

Informações

Portaria de Autorização: MEC/SESu nº 240 de 30/03/2017, publicada no DOU de 31/03/2017.

Modalidade: Graduação - Tecnólogo

Carga Horária: 1.760 horas

Integralização: 5 semestres - 2 anos e meio

Outro nome: Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia

Turno: Matutino e Noturno

Vagas: 100

Objetivo

O Curso Superior em Tecnologia da Gastronomia da FMT tem como objetivo geral graduar o profissional com condições de exercer a atividade profissional em diferentes setores e segmentos sociais, públicos e privados, com capacidade de compreender, analisar e interpretar de forma crítica e reflexiva a importância atual dos fenômenos gastronômicos e turísticos, conhecendo a sua evolução na vida cultural e sócio-econômica do país, bem como as diversidades de desenvolvimento em nível local, regional e internacional. Tudo isso norteado pela ética, compromisso e responsabilidades sociais, de acordo com normas e legislação vigentes na produção de alimentos.

Perfil do Egresso

O gastrônomo está apto a elaborar desde pratos rápidos e simples até receitas sofisticadas da alta gastronomia. Entre as suas funções, incluem-se, ainda, o planejamento, organização e o gerenciamento de unidades produtoras de alimentos, de forma a contatar e a negociar com fornecedores, a seleção dos ingredientes, a escolha do cardápio, a definição da tabela de preços, bem como o treinamento de pessoal e a supervisão da cozinha. Terá competência empreendedora sendo capaz de criar seu próprio negócio.

Campo de Atuação

Chef de cozinha: planeja e prepara cardápios em restaurantes, hotéis, hospitais, bares, etc. Coordena a equipe de cozinheiros e seleciona os fornecedores de ingredientes

Personal Chef: exerce as mesmas funções do chef de cozinha, só que neste caso atua em residências particulares.

Segurança Alimentar: atua como vigilante e realiza vistorias em cozinhas industriais e de restaurantes para garantir que as normas de segurança alimentar sejam cumpridas.

Indústria Alimentícia: desenvolve novas receitas e testa os produtos criados pela indústria.

Gestão: administra restaurantes comerciais, industriais e refeitórios dentro de hospitais e hotéis, entre outros. Gerencia todo o funcionamento destes estabelecimentos, contrata e treina profissionais, seleciona fornecedores, gerencia o estoque e as finanças da empresa.

Consultoria: presta consultoria para empresas do ramo alimentício. O objetivo é propor mudanças nos processos para melhorar o desempenho da organização como um todo.